Em um canteiro de obras, a água é fundamental para a execução de várias etapas do projeto. Mas, diante da crise hídrica enfrentada nos últimos anos, muitas construtoras estão buscando alternativas que envolvem o reaproveitamento da água.

Apesar de termos no Brasil quase um quinto das reservas hídricas do mundo, a falta de água é um problema que está sendo enfrentado em várias regiões do país. Vários estudiosos indicam que a falta desse recurso deve se repetir de forma mais intensa nos próximos anos.

Dentre as várias causas da falta de água, podemos destacar:

  • O aumento no consumo de água, provocado pelo crescimento populacional, industrial e agrícola;
  • Falta de conscientização, o que acaba provocando desperdício de água;
  • O desmatamento aliado às mudanças climáticas e que provocam a diminuição dos níveis de chuva.

Essa diminuição na oferta de água acaba provocando sérias consequências econômicas, sociais e ambientais. E, devido a esses fatores, o reaproveitamento da água se torna uma prática cada vez mais necessária, tanto para as pessoas, quanto para as empresas.

Como fazer o reaproveitamento da água?

1. Tenha sistemas que realizem a captação de água da chuva

Os sistemas de captação da água da chuva devem estar preparados para armazenar o maior volume de água possível. Essa captação pode ser realizada através de calhas que direcionam a água para um reservatório.

Saiba fazer o reaproveitamento da água na construção civil | Cerâmica Lorenzetti

É importante destacar que, por ser proveniente da chuva, essa água pode conter impurezas e não é considerada potável.

Por esse motivo ela não deve ser utilizada para o consumo humano. Mas, mesmo contendo essas impurezas é possível fazer o reaproveitamento em várias etapas da obra. Ela pode ser utilizada, por exemplo, para limpeza de materiais, equipamentos, veículos dentre outras atividades relacionadas ao canteiro de obras.

Outra dica importante é ficar atento e garantir que os sistemas utilizados para captação de água da chuva não façam conexão cruzada com os sistemas de água potável. Dessa forma, é possível evitar contaminações e também futuros problemas de saúde pública.

2. Conscientize os seus colaboradores

A tecnologia é uma grande aliada dos projetos que promovem o reaproveitamento da água, mas muitas vezes nós esquecemos do principal: a conscientização.

Praticamente todas as nossas atividades diárias envolvem o consumo de água. E, por acharmos que esse é um recurso inesgotável não damos importância para o consumo consciente e acabamos provocando o desperdício.

Envolva a sua equipe, e oriente sobre a importância do reaproveitamento da água. Promova uma gestão mais mais sustentável no seu canteiro de obras. Afinal de contas, todos nós somos responsáveis por reduzir o desperdício, e a conscientização dos colaboradores que trabalham na construção civil é extremamente importante para que o reaproveitamento da água seja feito de forma eficiente.

3. Use temporizadores e redutores no seu canteiro de obras

Essa é uma outra técnica que pode ser aplicada para o reaproveitamento da água. Os temporizadores e redutores tem a função de reduzir a pressão e a quantidade de água que saem das torneiras e chuveiros provocando a diminuição do consumo de água.

Eles são encontrados em diversos modelos e o procedimento de instalação é bastante simples. Além dos redutores, as empresas podem complementar a economia de água com os arejadores. Eles são acessórios que misturam ar e água trazendo uma sensação de maior volume e reduzindo em até 75% o consumo de água.

4. Tenha uma obra mais sustentável

A construção sustentável é uma tendência e está se tornando cada vez mais comum, pois prejudica menos o meio ambiente. Além de, ser uma obra mais econômica em todos os sentidos. Essa é uma prática que visa amenizar os impactos ambientais e aproveitar de forma eficiente os recursos naturais.

Saiba fazer o reaproveitamento da água na construção civil | Cerâmica Lorenzetti

Nesse tipo de projeto, a sustentabilidade está presente no planejamento, na escolha dos materiais e na pós-construção. E, propõe um verdadeiro equilíbrio entre a natureza e os impactos que o segmento da construção civil provoca no meio ambiente.

Nunca é tarde para promover mudanças e rever as nossas atitudes. Não deixe de se atualizar sobre as novidades que estão relacionadas à sustentabilidade e a gestão de recursos hídricos. A sua empresa também pode buscar apoio financeiro para projetos que envolvem inovação em sustentabilidade.

Se você gostou dessas dicas, e quer saber porque o conceito de sustentabilidade é tão importante. Acesse o próximo artigo.