O trabalho do pedreiro vem se tornando cada vez mais lucrativo. Isso é ótimo, pois traz um grande e merecido valor para os profissionais. Ao mesmo tempo, para se destacar e conseguir ainda mais sucesso na carreira, é preciso se profissionalizar cada vez mais no que você faz.

Nunca é tarde para aprender mais, e sempre há espaço para novos conhecimentos. E saber hoje em dia é tudo: é o que vai garantir melhores pagamentos, mais facilidade em executar as tarefas e inovações que vão te levar sempre pra frente no seu trabalho.

Mas, como se profissionalizar como pedreiro? Por onde começar? Neste artigo damos algumas dicas. Vamos começar?

Conheça os 10 benefícios em comprar com a Cerâmica Lorenzetti, baixe agora!

Por que se profissionalizar como pedreiro?

Acho que a pergunta correta, na verdade, deveria ser por que não se profissionalizar como pedreiro?

Quanto mais você conhece, mais consegue fazer. Isso é ótimo para conseguir novas oportunidades e trabalhar cada vez melhor com o que você já faz. E é claro, há o lado do crescimento profissional e o dinheiro que isso envolve.

Se o servente em uma obra ganha o seu salário mínimo, o meio oficial já ganha um pouco mais. E acima dele vem o oficial, com curso profissionalizante, que ganha ainda mais. Depois, subindo para encarregado ou mestre de obras, a soma fica ainda maior, com estudos apontando variações de cerca de 300%.

E como mestre de obras, as possibilidades são imensas. Você pode ser contratado por uma empresa ou simplesmente montar a sua própria empresa. Normalmente, nesse regime você ganha muito mais até quando trabalha como pedreiro para outro mestre.

Mas tudo isso só é possível com educação. E onde buscá-la?

O pedreiro pode se atualizar o tempo todo

A internet é a grande aliada do pedreiro. Com ela, o conhecimento está logo ali, na sua frente. Você só precisa digitar o que você quer saber que alguma coisa com certeza vai aparecer.

Artigos na internet estão por toda a parte. As empresas perceberam que educar os seus potenciais clientes é uma ótima maneira de fazer vendas, já que eles percebem que o produto é mais do que atrativo, é necessário. Por conta disso, blogs estão por toda parte, e centenas de artigos sobre a construção civil são escritos todo dia.

Se você quiser ir um pouco mais em profundidade, a pesquisa acadêmica do Google entrega trabalhos de faculdade, aulas de engenharia civil, trabalhos de conclusão de curso, livros de teóricos e uma infinidade de outros materiais ricos.

Tudo o que você precisa está a um clique de distância. Mas para se aprofundar em assuntos mais complexos, pode ser necessária a ajuda de um professor. Também não tem problema: cursos profissionalizantes são oferecidos por todo tipo de preço, desde os mais caros até os que você nem paga nada para fazer.

A faculdade também é pública, e se você se compromete a estudar muito, logo logo pode estar cursando engenharia civil. Já pensou no salto que sua carreira daria?

Conhecimento + qualidade são as maiores armas do pedreiro que quer se profissionalizar

Se você é pedreiro, um dos primeiros passos para realmente entender o canteiro de obras é entender os materiais que são utilizados. Como eles afetam diretamente o seu trabalho, você muito provavelmente já sabe quais são de qualidade e quais não são dentre os que já usou.

O mais importante é saber o por quê.

O que faz um produto de qualidade? No que essa qualidade resulta? É com isso que o pedreiro já começa a entender noções como economia na obra para evitar desperdícios e outras questões que o colocam mais próximo de melhores posições na sua carreira.

Entendendo dos produtos e conhecendo as técnicas, tudo dá certo no final. Como vimos, dá pra começar a se profissionalizar agora sem gastar nada, e conhecer os produtos também não vai te custar. Na verdade, as empresas fazem questão de te contar sobre eles.

Você está com a faca e o queijo na mão, então por que não aproveitar, amigo pedreiro? Nós temos conteúdo exclusivo no nosso blog, um deles sendo o próximo na nossa lista que você precisa conhecer. Vamos falar mais sobre tijolos cerâmicos?

Infográfico de 10 razões para escolher o tijolo cerâmico | Cerâmica Lorenzetti