Levantar a parede de tijolos cerâmicos não é o trabalho mais difícil do mundo, não é? Todos os dias, milhões de pedreiros estão trabalhando justamente nessa função Brasil afora, e as técnicas, uma vez aprendidas são simples de lembrar. Mas, por que ainda existem erros?

É simples de entender. Levantar a parede de tijolos cerâmicos exige precisão nas medidas e na execução. Se alguma coisa está fora do lugar, se o prumo não está bom, se os tijolos estão tortos, a parede inteira pode ficar comprometida. Os resultados, muitas vezes, só são percebidos quando é tarde demais.

Neste artigo, trazemos algumas dicas sobre como levantar a parede de tijolos cerâmicos sem errar nem por um milímetro. Vamos com a gente?

Faça as marcações e confira tudo depois

O primeiro passo para levantar a parede de tijolos cerâmicos é a marcação. Se algo dá errado aqui é provável que a obra inteira sinta os impactos, especialmente se o erro não for percebido e corrigido a tempo.

Em casos de alvenaria estrutural, torna-se ainda mais necessário um cuidado extremo no momento da marcação. Não há vigas que seguram a estrutura, são as próprias paredes que fazem esse trabalho. Se elas não estiverem no prumo certo, a estrutura inteira pode ficar comprometida.

Sempre passe as linhas de olho no projeto estrutural e arquitetônico. É muito importante que você calcule o espaço entre elas e depois passe conferindo para evitar erros. Calcule bem o vão da porta e também calcule o espaço com as paredes. Depois que passar a primeira fiada, aquela antes das mestras, meça novamente e procure por imperfeições.

Esse sistema de tripla checagem garante que se houver qualquer tipo de imperfeição ela vai ser corrigida antes que seja tarde demais.

Compre tijolos cerâmicos uniformes

Um dos maiores inimigos de levantar paredes com tijolos cerâmicos com certeza são imperfeições nas peças. Elas são responsáveis por problemas menores, de estética mesmo, até as mais graves, como prumo errado e parede frágil.

Se a peça é irregular, o trabalho também fica bem mais lento. É necessário conferir cada peça sendo colocada e “ajustar” as que vem com imperfeições. E o pior: se elas forem evidentes demais, é melhor nem usar o tijolo, o que gera mais gastos para a sua obra.

Complicado, não é? Então, neste caso, prefira sempre tijolos cerâmicos de qualidade, que são uniformes e mais certos de obedecerem as marcações porque suas dimensões perfeitas estão contidas nos cálculos. Mesmo se 90% dos tijolos que você comprou sejam perfeitamente idênticos em medidas, os 10% vão te atrapalhar bastante.

Deixe os tijolos perto do pedreiro

Na hora de passar as mestras e começar a assentar seus tijolos cerâmicos, um pequeno ajuste faz maravilhas no trabalho: um pallet ao seu lado com todos os tijolos que ele vai precisar.

Ter que ficar buscando tijolo toda hora vai deixar o seu pedreiro exausto. Encher a carriola, voltar, assentar e depois repetir o ciclo é muito cansativo, então ou o trabalho vai parar antes da hora ou ele não vai render tanto. Pode ser até que erros aconteçam por puro cansaço!

Cuidado com o traço de concreto

O traço é o que define a usabilidade do concreto que você está preparando. Você usa cimento, areia, brita e água para preparar a massa, não é?

Talvez um pouco de cal pode ser necessário também. Se essa é a mistura que você comumente utiliza, não há nada de errado. Porém, a quantidade de cada um desses materiais vai variar bastante em cada ocasião.

O traço para o piso é bem diferente do traço para assentamento de tijolos cerâmicos. E olha que nós nem precisamos ir muito longe para ver diferenças grandes, a própria parede mesmo possui vários traços diferentes. O concreto para assentar é um, para chapiscar é outro e para rebocar ainda vai ser bem diferente.

Acertar no traço de concreto não é muito complicado, você só precisa entender o que você vai fazer e encontrar o guia certo. O próprio fabricante do cimento pode te ajudar com isso: os traços mais comuns costumam vir no saco de cimento.

Sua parede de tijolos cerâmicos está fora do prumo?

Você está tranquilo erguendo a parede de tijolos cerâmicos, quando de repente percebeu que ela não está aprumada. Por algum erro ela acabou ficando fora do desejado e você não viu antes que fosse tarde demais. E agora?

Ainda dá pra corrigir. Os tijolos cerâmicos de qualidade são fortes e resistentes, e mesmo uma parede não aprumada pode ser consertada. Se for alvenaria estrutural, é melhor fazer outra, mas a de vedação ainda tem um jeitinho.

É só corrigir com o reboco! Coloque uma quantidade a mais e vá corrigindo o que for possível com o nível. Agora, se ela está fora do esquadro e não encontrou com a parede ao lado, vai ser um pouco mais difícil de corrigir.

Você terá que aplicar uma mistura mais grossa de concreto no vão ou cobrir com a mesma espuma que usamos para fechar a fresta final da parede no processo de encunhamento. Colocar pedaços de tijolos cerâmicos também vale, mas o verdadeiro herói aqui é o concreto!

Esperamos que você consiga aproveitar essas dicas no futuro! E não esqueça: se estiver tendo problemas com tijolos e gastando demais por peso não uniforme, variações na estrutura, etc., a Cerâmica Lorenzetti tem o produto que você precisa.

Até a próxima!

10 benefícios em comprar com a Cerâmica Lorenzetti